Sábado, 18 de Novembro de 2017
1 1 1 1 1 1 1 1 1 1 Rating 5.00 (5 Votes)
Nascido para combater as forças nazistas na Segunda Guerra, 1º Grupo de Caça comemora seus 63 anos de existência

RIO — Foi realizado nesta sexta-feira, na Base Aérea de Santa Cruz, RJ, as comemorações pelo 63º aniversário de 1º Grupo de Aviação de Caça (1º GAVCA) da FAB.

Criado através do Decreto Lei no 6.123 de 18/12/1943, o 1º GAVCA é a única unidade de combate da FAB a ter participado de missões em guerra, durante a Campanha da Itália no Teatro de Operações do Mediterrâneo, entre 1944 e 1945. Durante aquele período, atuou como o 4º esquadrão do 350th Fighter Group da USAAF. Realizou mais de 2.000 missões, e, por ter se destacado sob condições adversas, foi indicado para receber a comenda President Unit Citation. Como na época aquela distinção não era permitida a unidades estrangeiras, o 1º Grupo teve de esperar 41 anos para recebê-la, em 22 de abril de 1986, tornando-se assim uma das três únicas unidades aéreas não-americanas assim agraciadas.

Seu primeiro comandante foi o então Cel Av Nero Moura, que mais tarde tornou-se o patrono da aviação de caça brasileira. Atualmente, o 1º Grupo de Caça é composto pelos esquadrões Senta a Púa! (1º/1º GAVCA) e Rompe Mato (2º/1º GAVCA).

Solenidade marcada pela emoção dos veteranos da Itália e vôo de réplica do Demoiselle

A cerimônia deste ano contou com algumas novidades. O empresário e entusiasta da aviação Fernando Botelho levou para Santa Cruz duas réplicas do segundo avião projetado por Santos Dumont, o Demoiselle, assim como um Cessna 185 com uma pintura camuflada e a bolacha do Senta a Púa!, o esquadrão do 1º Grupo que atuou na Itália.

Às 11h30, dois F-5E fizeram um rasante sobre a pista da base iniciando as comemorações. Logo em seguida, após mais uma passagem dos caças, foi a vez dos Demoiselles passarem na frente dos convidados acompanhados à distância pelos F-5E. Seguiram-se as palavras do comandante do 1º Grupo, Ten Cel Av Roberto Oliveira e do Brig Rui Moreira Lima, veterano da Campanha da Itália com 94 missões realizadas. Durante o desfile da tropa, mais passagens dos F-5E, agora em companhia do primeiro F-5EM recém recebido pela unidade.

As comemorações terminaram no cassino dos oficiais com um coquetel para os convidados, entre eles empresários representando as Federações da Indústria do Rio de Janeiro e São Paulo, o Chefe do Subdepartamento Técnico do Departamento de Controle do Espaço Aéreo (DECEA), Brig Pinheiro e os veteranos da Campanha da Itália com destaque para três dos quatro pilotos remanescentes Brig Rui Moreira Lima, Brig José Meira de Vasconcelos e o Ten Fernando Correa Rocha.

imagem001 Outras imagens - Clique aqui para ver a fotogaleria deste artigo